Terça-feira, 8 de Novembro de 2011

VALORES URGENTES

 

Quando o nosso mundo grita por valores seguro-me à educação que recebi no Colégio Militar !

 

É bom que se entenda de uma vez por todas; nenhum país vai a lado algum sem disciplina, rigor e abnegação.

 


publicado por António Mateus às 21:32
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 24 de Novembro de 2010

MANEIRAS DE ROSE

 

Há livros incontornáveis. Este é um deles.
Com humor, agilidade e inteligência no bordar de saberes, somados de civilizações antigas, DeRose oferece-nos um património de ferramentas preciosas para melhor viver. Connosco e com os outros.
O autor guia-nos através de situações e exemplos claros, que nos tornam melhores como pessoas e socialmente cultos, com linguagem e modos mais polidos.
DeRose sugere uma revolução comportamental, propondo uma forma mais sensível e amorosa de relacionamento com a família, o parceiro afectivo, os amigos, os subordinados e os desconhecidos. Recomenda que eventuais conflitos sejam solucionados polidamente, sem confrontos.
Como complemento ensina reeducação respiratória, postural e alimentar e outros recursos, proporcionando condições culturais e sociais para que os jovens se mantenham longe das drogas.
O lançamento é já na próxima sexta-feira, na Alfândega do Porto, pelas 21h00.


publicado por António Mateus às 15:54
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 11 de Junho de 2009

MORREU RANGEL

 

  Foi um dos cada vez mais raros jornalistas lusófonos a quem tiraria o chapéu, se o usasse.

 

  O foto-jornalista moçambicano Ricardo Rangel morreu em paz aos 85 anos durante o sono.

 

   Conheci-o enquanto fui chefe da delegação da agencia Lusa em Moçambique nos anos 80. Ele um reporter tarimbado e eu um recém-apaixonado por um país de rastos onde até uma simples pasta de dentes era um produto precioso no rarefeito mercado local.

 

   Ricardo Rangel participou em dezenas de exposições em diversos países, incluindo o Museu Guggenhheim, em Nova Yorque, e foi condecorado com o grau de Oficial das Artes e Letras pelo governo francês.

 


   A sua impressão digital neste mundo é bem maior do que aquele olhar severo com que nos fuzilava; é a de um observador nato, um homem com um fundo e valor humano raros.

 

   Um daqueles jornalistas em extinção, humilde, aberto à crítica, alheio às guerras das audiências, aos sound-bites, ao amiguismo e ao vazio de referências.

 


publicado por António Mateus às 20:41
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 20 de Maio de 2009

MENINOS DE TODOS NÓS

 

 

   Cada vez que escuto esta música recordo os milhões de meninos que rebuscam migalhas dos nossos desperdícios enquanto nós, todos os dias, despejamos no lixo "os restos" que já não nos apetecem.

 

   Lembro-me do  Kevin Carter (fotógrafo brilhante que conheci enquanto destacado na África do Sul) que se suicidou por não poder viver com memórias de uma fotografia por ele tirada no Sudão a uma criança a esvair-se de fome.

 

   Recordam-se de uma foto de um menino negro, agachado, esquálido, com um abutre por detrás a olhá-lo?

 

   É dessa fotografia  que vos falo. Faz hoje 15 anos que o Kevin nos deixou, por lhe doer o virar da cara.

 

    Afinal não são todos os meninos, filhos de todos nós?

 

Em tua memória Kevin:

 

 

 

 

 


publicado por António Mateus às 09:42
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Maio de 2009

SOFRIMENTO OU MORTE?

   Onde mora a razão? Um juiz pode obrigar pais de um menor a recorrer a quimioterapia para combate a cancro em vez de formas menos agressivas de tratamento?

   Pode. Pelo menos nos Estados Unidos, onde um juíz de Minnesota assim o determinou.

   Os pais de Daniel Hauser, de 13 anos, tinham apoiado a decisão do filho de abandonar a quimioterapia e optar por tratamentos alternativos e suplementos nutricionais para combate a um linfoma de Hodgkin, seguindo uma fórmula adoptada por índios americanos.

   O tribunal deu, por seu lado, provimento a uma contestação do ministério público baseada em pareceres médicos, segundo os quais o jovem tem 90 por cento de hipóteses de sobrevivência se seguir tratamentos de químio e radioterapia. 

 


publicado por António Mateus às 11:42
link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

links

arquivos

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Maio 2013

Março 2013

Outubro 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

todas as tags

subscrever feeds