Terça-feira, 12 de Outubro de 2010

EXEMPLO VEM DE CIMA

 

Que chatice esses países onde o exemplo vem de cima!

 

...que mania estranha....

 


publicado por António Mateus às 09:52
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 10 de Outubro de 2010

MANDELA DE PERTO

 

"Não sou um santo a não ser que vejam num santo um pecador que continua a tentar" - Nelson Mandela


publicado por António Mateus às 05:36
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 6 de Outubro de 2010

FALÊNCIA JORNO-POLITICA

 

A gravidade da actual crise reside mais nas exigências que coloca aos políticos e aos jornalistas do que à aritmética implicada.

 

Por um lado, há quase uma gração que somos governados por políticos mais preocupados em serem reeleitos e pensarem em sound-bites mediáticos do que em administrar o país para as gerações vindouras e geri-lo como o fariam, sensatamente, com o respectivo património familiar.

 

Por outro, os media são cada vez mais dominados por jornalistas sem mundo que alimentam o circo predatório em vez de funcionarem como um verdadeiro quarto poder; uma consciência social que deixasse a nú vazios de ideias e exigisse actos administrativos consequentes em vez de multiiplicar tempos de antena onde se massajam egos de entrevistados e entrevistadores.

 

E se não acreditam experimentem parar um bocadinho e fazer um pouco de aeróbica aos neurónios; imaginem que este país é a casa onde descalçam os sapatitos ao fim do dia e para cujo sustento se foram endividando, ao ponto de já mal suportarem as respectivas prestações.

 

O banco, como é lógico, começou a duvidar da saúde financeira de alguém que gasta em média mais 500 euros do que ganha por mês e apertou-te os calos. Aumentou os juros. Vai daí, o que fizeste? Informaste a prole que a partir daquele dia, as despesas não só iam ser cortadas ao limite do rendimento da família como, finalmente e de forma sensata, se passaria a gastar um pouco menos do que as receitas, para se poder reinvestir e precaver o futuro.

 

Juízo? Inteligência? Não. Claro que não. Se lermos e ouvirmos os media portugueses e os políticos por eles ecoados.

 

Depois de quase uma década a acompanhar como jornalista pessoas do calibre de Nelson Mandela e Desmond Tutu permitam-me ter uma latitude muito restrita para o que poderia ser tão facilmente este país mas não o é; por pura mediocridade e nepotismo.

 

Como é possível debater-se dias a fio se as medidas de contenção de Sócrates são ou não demasiado penosas quando o que elas são, na realidade, é obscenamente curtas e só reflectem, e mais uma vez, a principal preocupação dos nossos governantes, directores, etc; não perderem o poder.

 

Se o país consome muito mais do que o que produz e o crédito atingiu níveis insustentáveis só há uma coisa, corajosa, responsável a fazer; chamar os bois pelos nomes e reduzir o consumo ao que efectivamente se produz; seja isso o que for, mesmo que se passe fome;mesmo que se ande a pé, mesmo que se percam as vaidades.

 

Porque era isso certamente que fariam se fosse a casa, onde vivem os nossos filhos, e o futuro destes, que estivesse em jogo.

 

E não o é?

 

 


publicado por António Mateus às 23:25
link do post | comentar | favorito

ESTÁDIO DAS TORMENTAS

D.R.

 

Três meses depois do Mundial de Futebol na África do Sul o segundo maior estádio do país, na Cidade do Cabo, foi dado como inviável.

 

O Sea Point Stadium, onde Portugal disse adeus ao Mundial, após perder com a Espanha, é um monumento de arquitectura mas está a revelar-se um cabo das tormentas financeiro.

 

E a Sail Stadefrance Operating Company, que se preparava para assumir um contrato de gestão do estádio durante os próximos 30 anos, deixou agora a factura ao município, que ronda os cinco milhões de euros/ano.

 

A empresa argumenta que tanto os custos operacionais como os de manutenção excederam em muito as projecções mais pessimistas e se tornou por isso, inviável para ela, explorar o estádio, sob o ponto de vista de rentabilidade comercial.

 

Um dos maiores problemas deriva do local de construção do estádio imposto pela FIFA, Sea Point, quando haveria zonas do Cabo bem mais favoráveis em termos de custos, acessibilidades e aproveitamento comercial colateral.

 


publicado por António Mateus às 18:41
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 4 de Outubro de 2010

ÁFRICA TUA

A África lusófona é notícia (desta vez) por bons motivos.

 

 

 

Cabo Verde surge em quarto lugar (incluído no quadro de honra continental de boa governação) e Angola deu um salto enorme no sentido positivo, do chamado index Mo Ibrahim.

 

É uma avaliação anual, país a país, patrocinada pela fundação de um multimilionário sudanês (Mo Ibrahim).

 

Nas conclusões deste ano evidencia-se um alerta: as melhorias económicas e de qualidade de vida estão a ser contrariadas por recuos a nível dos direitos humanos e das liberdades civis em muitos países africanos.

 

A classificação global inclui items como segurança, participatividade, direitos humanos, oportunidades económicas sustentáveis e desenvolvimento humano e é por via disso, que de uma forma algo inesperada, Cabo Verde surge à frente de um gigante como a África do Sul.

 

Em termos de qualidade de governação, figuram ainda nos trinta melhores países africanos dois lusófonos; São Tomé e Príncipe (11º) e Moçambique (20º).

 

Apesar de todas as convulsões de que tem sido palco, a Guiné-Bissau figura na 41ª posição, entre os 53 avaliados, à frente de Angola (43ª), o país que mais subiu mas é ainda fortemente penalizado como um dos mais frágeis do mundo em termos de desenvolvimento humano.


publicado por António Mateus às 17:13
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 2 de Setembro de 2010

DESESPERO PAGA IMPOSTO

 

O atirador dispara da sede do partido Frelimo em Maputo.

As imagens falam por si, por trágica que seja a leitura das mesmas, em todos os aspectos.

 

Pelo menos quatro pessoas morreram e mais de uma centena de outras ficaram feridas durante protestos contra o agravamento acentuado do custo de vida em Moçambique.


Nada justifica o vandalismo e muito menos o extravasar das emoções. Mas se isso é válido para o cidadão comum ainda o é muito mais para quem representa o Estado e é suposto defendê-lo da tentação da prepotência, ou, no caso pendente, o faz de dentro da sede do partido no poder.


É verdade que o governo de um país pobre não tem grande margem de manobra para suavizar o impacto social da crise económica mundial, mas o facto é que também deveria ter pensado isso quando em 2009 sustentou artificialmente a economia para não agravar o custo de vida em ano de eleições.


Ganhou-se o escrutínio. Hipotecou-se o futuro. E agora?


publicado por António Mateus às 00:48
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 5 de Julho de 2010

UM MILHÃO DE TURISTAS

 

Mais de um milhão de turistas visitaram a África do Sul durante o ultimo mês!

 

As estatísticas oficiais revelam um aumento de 25 por cento das entradas no país, relativamente a igual período do ano passado, excedendo as projecções mais optimistas das autoridades locais.

 

O Mundial de futebol e a excelência da oferta eco-turística da África do Sul são os “responsáveis” directos por resultados que estão a cobrir rapidamente os encargos decorrentes da organização da prova.

 

Durante as operações de segurança do Mundial foram identificadas 188 pessoas na posse de documentos falsos e negada a entrada no país a 43 outras, consideradas “indesejáveis”.

 

As principais fontes de turistas foram até agora países vizinhos da África do Sul (como Moçambique, Lesoto e o Zimbabué)  e ainda o Reino Unido, Estados Unidos, Alemanha, Austrália, Brasil e México.


publicado por António Mateus às 15:44
link do post | comentar | favorito

CASA DA PARTIDA

 

O deslumbramento da simplicidade!

 

Não será por esta magia que em meninos nos desancoramos no desenho de um sorriso?

 

 


publicado por António Mateus às 12:53
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 2 de Julho de 2010

SEXO VENDE

 

sex.com - o site da internet mais valioso do mundo foi colocado no mercado, quatro anos após ter sido comprado por 12 milhões de dólares por uma empresa norte-americana.

 

A venda é promovida através da Sedo, a maior plataforma mundial de nomes de domínios na web,

 

A Sedo avança que quem comprar este endereço tem uma oportunidade única de se tornar um líder do mercado.

 

Comparativamente, outros grandes títulos transacionados recentemente atraíram valores consideravelmente menores mas, mesmo assim, relevantes, como foram os casos do vodka.com (vendido por 3 milhões de dolares), o kredit.de (1,1 milhões) e o poker.org (um milhão).

 

 


publicado por António Mateus às 18:52
link do post | comentar | favorito

PROJECTO EXEMPLAR

 

É um projecto notável de qualidade humana e ambiental.

 

Situa-se na província do Kwazulu-Natal, nas proximidades de Durban, a cidade onde Fernando Pessoa se estreou nas lides da produção literária, quando ainda estudante liceal.

 

Desde então a Cimpor foi comprada pela brasileira Camargo mas os contornos desta presença no litoral indico africano mantêm-se intocados.

 

Um exemplo do que poderia e deveria ser feito em todo o mundo e a prova de que os interesses a viabilidade financeira de projectos desta escala não implicam forçosamente uma factura ecológica negativa.


publicado por António Mateus às 17:40
link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

links

arquivos

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Maio 2013

Março 2013

Outubro 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

todas as tags

subscrever feeds