Quarta-feira, 30 de Junho de 2010

SER E FAZER A DIFERENÇA!

Lembras-te deste filme do "Charlot"?

 

Recorda-nos sempre que nós podemos ser e fazer a diferença!


Escolhe sempre a metade meio cheia da vida, especialmente quando o lado de sombra parecer negar a luz.

 


publicado por António Mateus às 16:24
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 29 de Junho de 2010

O "FARDO" DE CAPITÃO!

Três grandes lições a tirar para Portugal do jogo com a Espanha:

 

a) Se dúvidas houvesse, foi mais uma vez óbvio que Cristiano Ronaldo não pode ser o capitão;  desaparece o guerrilheiro, a equipa fica "liderada" por alguém que (pelo fardo?) se torna uma sombra de si mesmo... e quando um capitão não corre atrás da bola, é o primeiro a baixar os braços e não dá a cara pela equipa na hora da derrota (recusou-se a falar aos jornalistas) que "alma" transmite ele à equipa?

 

b)  Pode Portugal jogar de outra forma e esperar melhor sorte no Europeu, quando Queiroz insiste que a equipa actuou com garra frente a uma Espanha de quem levou uma lição exactamente nessa mesma atitude?

 

c) Quando Meirelles, Simão e Pepe estavam claramente em dia não, que faziam Fernando Mendes, Deco e Liedson no banco até meio da segunda parte e o que continuou Deco a lá fazer, até ao apito final, quando a equipa gritava por um abre-latas pensador?

 

Ninguém corrige o que não vê...

 

Penoso, mas pelos motivos opostos, foi assistir às lágrimas do Eduardo, um gigante de tal escala que o seu homólogo, Casillas, correu de baliza a baliza, no final do jogo, a abraçá-lo.

 

D.R.

 

Parabéns à Espanha que acabou por ganhar - graças a um golo marcado em posição irregular, é verdade - mas mostrou do primeiro ao último minuto que os jogos se ganham com querer, determinação e a pressionar o adversário, forçando-o a cometer erros, até a sorte lhe sorrir.


publicado por António Mateus às 23:17
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

APOSTA EM PORTUGAL

D.R.

O melhor ponta de rugby do mundo aposta em Portugal, 24 horas depois do capitão histórico dos "springboks" ter colocado a equipa das quinas a par da Argentina como seus favoritos.

Bryan Habana escreveu na sua página do twitter esperar que a chuva dê folga durante o Portugal-Espanha na Cidade do Cabo, em Sea Point, para benefício de um espectáculo onde aposta em Cristiano Ronaldo e companhia.

Habana é o ponta de rugby mais eficaz da actualidade, titular indiscutível dos Springboks, campeões mundiais em título.

O revelar dos favores de Habana (que aparece na foto ao lado de Nelson Mandela) surgiu 24 horas após o capitão histórico dos Boks, Victor Matfield, ter avançado Portugal e a Argentina como os seus favoritos à vitória final na prova em curso na África do Sul.

Ao marcar durante o último fim-de-semana frente à Itália o seu 38º ensaio, Habana igualou o antigo médio-de-formação sul-africano Joost Van der Westhuizen, como o melhor marcador da história do rugby do seu país.

 

D.R.


publicado por António Mateus às 14:24
link do post | comentar | favorito

PORTUGAL EMPRESTA LUZ DE MANDELA

 

A magia de Mandela enfeitiça Portugal!

 

Carlos Queiroz convidou o capitão histórico dos campeões mundiais de rugby de 1995 a partilhar com o selecionado português o segredo que converteu um "quinze" sul-africano (então) frágil animicamente no único conjunto que travou e bateu os "all blacks" do gigante Jona Lomu.

 

Uma epopeia retratada no filme Invictus ( "inconquistado" ou "inconquistável" em latim) onde Morgan Freeman e Matt Damon representam fielmente os papeis de Nelson Mandela e François Piennar.


Foi só uma das histórias reais mais comovedoras e cheia de luz que já testemunhei enquanto ser humano, primeiro, e jornalista, depois.

O próprio Mandela pediu a Morgan Freeman que interpretasse a sua personagem no filme cujo título é "importado" de um poema (1) publicado em 1857 pelo britânico William Ernest Henley e que era leitura de referência de Mandela durante os 27 anos por este cumpridos em prisão.

 

O filme aborda o visionarismo de como um líder político negro – Nelson Mandela – e um líder desportivo branco – François Piennaar (capitão da selecção de rugby sul-africana) protagonizaram um abraço racial “mágico” num país que ameaçava explodir em guerra civil.
O lendário capitão sul-africano partilhou agora com a selecção portuguesa os segredos motivacionais que tornaram a equipa do seu país num conjunto imbatível, a começar pelo vivenciar do poema de Invictus, que foi um dos pilares de verticalidade do próprio Mandela.

(1) Invictus
Out of the night that covers me,
Black as the Pit from pole to pole,
I thank whatever gods may be
For my unconquerable soul.

In the fell clutch of circumstance
I have not winced nor cried aloud.
Under the bludgeonings of chance
My head is bloody, but unbowed.

Beyond this place of wrath and tears
Looms but the Horror of the shade,
And yet the menace of the years
Finds, and shall find, me unafraid.

It matters not how strait the gate,
How charged with punishments the scroll.
I am the master of my fate:
I am the captain of my soul.


publicado por António Mateus às 11:39
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 28 de Junho de 2010

GIGANTE APOSTA EM PORTUGAL

O capitão bi-campeão mundial de rugby deu um voto de confiança na selecção portuguesa ao colocar Portugal e Argentina como os favoritos ao título em disputa na África do Sul.

O gigante Victor Matfield é hoje citado na imprensa sul-africana a assumir que apesar de não ser exactamente um perito em futebol (num país onde os brancos apostam mais no rugby e no criquete), o vencedor da prova sairá do duo Portugal-Argentina.

A propósito da controvérsia sobre a utilização das novas tecnologias para defesa da verdade desportiva no futebol, à semelhança do que já se verifica há mais de 10 anos no rugby, Matfield assumiu a sua perplexidade;

-  "Não entendo porque não se usam as tecnologias no desporto mais rico do mundo"


publicado por António Mateus às 18:40
link do post | comentar | favorito

ACORDEI NA ÁFRICA DO SUL

 

Documento que diz mais do que milhões de palavras...

 

Passam hoje 20 anos que fui colocado como jornalista na África do Sul

...e, no coração, nunca mais de lá saí!


publicado por António Mateus às 17:03
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 25 de Junho de 2010

PARAÍSO NA TERRA

 

A reportagem diz tudo!

 

O Earth Lodge, na África do Sul, à beira de Moçambique, é um dos projectos de eco-turismo mais premiados do mundo e um dos mais deslumbrantes que alguma vez visitei.


publicado por António Mateus às 19:15
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

JOGO DE SONHO

 

Prometido e cumprido, o principal jornal diário de Durban saiu hoje para as bancas  escrito pela primeira vez em português.

 

Uma homenagem ao Portugal-Brasil pela luso-descendente Ângela Quintal (filha de pais madeirenses) que desde Fevereiro dirige o “The Mercury”.

 

A primeira página é a que lhe mostro acima e da qual já vos tinha dado um cheirinho aqui neste blog há quatro dias m primeira mão.

 

Luis Fabiano e Cristiano Ronaldo ilustram “um jogo de sonho”, título de abertura, de uma edição especial, lusófona, a pensar também na “invasão” pelos vizinhos moçambicanos.

 

Abraços de uma terra onde Vasco da Gama e seus homens ancoraram a 25 de Dezembro de 1497, à beira de um motim, com grande parte da tripulação a querer regressar a Portugal tais eram as durezas da viagem com destino à India.

 

Na História se baptizou assim aquela provincia como Natal, em homenagem à época natalícia em que por ali puseram pé oficialmente os primeiros europeus.


publicado por António Mateus às 11:42
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 24 de Junho de 2010

OLHAR DE OURO

Foto: João Silva /New York Times

 

João Silva nasceu na margem sul de Lisboa em 1966 e conheci-o na África do Sul onde ambos apostámos durante mais de uma década as nossas carreiras de jornalistas (e ele ainda continua a fazê-lo).

 

O João tem a simplicidade e desprendimento dos super-dotados que se afirmam pelo talento, coragem e frontalidade.

 

É hoje um dos grandes reporteres fotográficos mundiais da actualidade depois de ter começado a sua carreira no sul-africano Alberton Record, em 1989.

 

No ano 2000 deu à estampa, com Greg Marinovich, o livro Bang-bang club, obra de foto-jornalismo que fixava as venturas e desventuras do grupo com o mesmo nome e que ele também integrava.

 

Um conjunto de reporteres de imagem que ia aos pontos mais perigosos e obscuros da África do Sul quando o país do ouro derrapava na fronteira de uma guerra civil, no último estertor do apartheid.

 

São dele as fotos anexas, com a devida vénia, de reportagens profundas na periferia do Mundial de futebol.

 

 

Foto: João Silva /New York Times


publicado por António Mateus às 19:38
link do post | comentar | favorito

PENSO PARA FRANCESES E ITALIANOS

Os dois finalistas do Mundial de 2006, Itália e França, não se deram bem com os ares de África e fizeram as malas logo na primeira fase.

 

Recomenda-se paciência aos proverbiais carrascos das cores lusas, particularmente às divas francesas que depois de "escreverem à mão" o passaporte para a África do Sul, à custa da Irlanda, (golo decisivo marcado à mão por Henry) vão agora ser sujeitos em Outubro a uma sabatina de "Estados Gerais" do futebol.

 

Quando jogar à bola se torna assunto de Estado será que não se deveria parar e aprender um pouco com o desportivismo e graciosidade com que a África do Sul, país anfitrião, saiu de prova com um sorriso?


publicado por António Mateus às 18:48
link do post | comentar | favorito

TRANSLATE THIS BLOG TO ANY LANGUAGE

António Mateus

Escritor e jornalista. Nasceu em 1960 em Castelo Branco, filho de uma socióloga e de um Oficial de Cavalaria. Licenciado pela UTL e iniciou a sua actividade jornalística no jornal O Globo em 1982. Continuar a ler (...)

Os meus livros

Selva Urbana, edições Colibri. "Selva Urbana – ponte entre olhares e sensibilidades de dois mundos, duas culturas, dois continentes, situações humanas comuns – é uma sequência de retratos publicados em colunas semanais num jornal diário de cariz económico, Jornal de Negócios (...) Comprar

Homens vestidos de peles diferentes, editora Ulmeiro. Comprar.

pesquisar

 

links

arquivos

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Maio 2013

Março 2013

Outubro 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

tags

todas as tags

subscrever feeds